Projecto IMS

Sistema Multimedia Inteligente para Apoio á Consulta Técnica e Pública

Pedro Ferraz de Abreu

MIT - Dept. Urban Studies and Planning, USA, CITIDEP, Janeiro 1998
CITIDEP - Centro de Investigação de Tecnologias de Informação para uma Democracia Participativa, Portugal

pfa at mit.edu

Indice Geral

Introdução | Problema | Metodologia | Fases de Execução | Sistema | Taxonomias | Experiência | Discussão de resultados | Conclusão | Agradecimentos | Bibliografia | Anexos

Abstract

The IMS project (Intelligent Multimedia System) has as its main goal to test and evaluate the utilization of new information technologies (IT) in the Environmental Impact Assessment (EIA) review process, that is, in support of the Review Commission's work, and, in particular, of the Public Consultation process. The adopted case for a pilot-experience is the EIA for the proposed CTRSU (Solid Urban Waste Treatment Station) of S. Jočo da Talha. The chosen approach was to design, implement and use a multimedia software prototype, together with interactive Internet-based tools. The objective of this prototype was to test a set of key ideas on technology and system design (e.g. metadata, knowledge representation, inference engines, intelligent manipulation of digital video segments) and a set of hypothesis on the integration of the use of similar systems in the current work processes (intercommunication, data presentation, acquisition and analysis of expert statements and opinions). The case study has, therefore, a technological analysis component (advantages and deficiencies put in evidence by the use of the prototype and Internet environment) and a processual analysis component (advantages and difficulties in integrating the new IT in today's processes, and in the introduction of innovative models in the evaluation and public consultation processes, enabled by the new IT).. In this document I present the project target problem; the adopted methodology; the execution phases; the implemented prototype for the intelligent multimedia system; the taxonomic structure built in to the system; the experiment using the prototype and internet component during the process of environmental impact assessment and its public consultation period; the discussion of results, and respective conclusions The IMS project is part of Pedro Ferraz de Abreu's Ph.D. thesis research at MIT Urban Studies and Planning Dept.


Introdução


O projecto IMS ("Intelligent Multimedia System") teve como objectivo principal testar a utilização de certas tecnologias de informação (TI) no processo de avaliação de Estudos de Impacte Ambiental (EIA), isto é, em apoio ao trabalho da Comissão de Avaliação e, em particular, ao processo de consulta pública. O caso adoptado para uma experiência-piloto foi o da Central de Tratamento de Resíduos Sólidos Urbanos (CTRSU) proposta para S. João da Talha. A experiência-piloto tem pois uma componente de análise tecnológica (vantagens e dificuldades na utilização de um protótipo "software" em microcomputador e de páginas interactivas na Internet) e uma componente de análise processual (vantagens e dificuldades na integração harmoniosa das novas TI nos processos em vigor, e no ensaio de modelos inovadores nos processos de avaliação e consulta pública, potenciados pelas novas TI).

Este projecto é parte integrante do meu trabalho de tese de doutoramento no MIT, USA, e assenta num protocolo de colaboração entre a DGA (MARN) e o DCEA (FCT-UNL). [1]

Com efeito, no âmbito da minha tese de doutoramento "Intelligent Multimedia for Public Participation", no Departamento de Planeamento e Estudos Urbanos do Massachusetts Institute of Technology (MIT), desenvolvi uma primeira versão de um protótipo "software" de um sistema que explora sinergias entre multimedia e inteligência artificial tendo em vista facilitar o trabalho de equipas técnicas multi-disciplinares e multi-organismos em actividades como estudos de impacte ambiental (EIA) e, em particular, para apoio ao processo de consulta pública sobre os mesmos.

O objectivo deste protótipo foi o de testar um conjunto de ideias chave de tecnologia e de desenho do sistema (p.ex. metadata, representação de conhecimentos, motores de inferência, manipulação inteligente de segmentação de video digital, etc) e um conjunto de hipóteses sobre a integração do uso de sistemas afins nos processos de trabalho correntes (intercomunicação, produção de relatórios, apresentação de dados, recolha e análise de opiniões, organização de conhecimentos, etc). A prazo, e com base nos resultados da utilização experimental do protótipo, o objectivo será desenvolver um sistema plenamente funcional, que potencie todas as capacidades oferecidas por esta nova implementação das tecnologias de informação "state-of-the-art".

Dada a corrente explosão de projectos de desenvolvimento em Portugal que requerem EIA e a respectiva consulta pública, e dadas as multiplas dificuldades que se apresentam neste dominio, considerou-se do maior interesse utilizar um ou mais casos portugueses para testar o protótipo e desenvolver o sistema. Este relatório descreve o primeiro esforço efectuado em Portugal neste sentido.

Nesse sentido obtive o acordo de principio do PhD Committee do MIT, com a vantagem de poder assim integrar "know-how" baseado na experiência nos EUA, tanto nas tecnologias de informação, como na integração destas em processos de decisão. Por outro lado, esta dualidade de acompanhamento da investigação em Portugal e nos USA obrigou-me a alguns compromissos (por exemplo, na linguagem usada na interface de comandos), que no entanto julgo terem resultado bem.

Neste relatório exponho o problema-alvo visado no projecto; a metodologia adoptada para o trabalho de investigação, desenvolvimento e demonstração subjacentes; as fases de execução do projecto; o sistema multimedia inteligente implementado em protótipo; a estrutura taxonómica construida para suporte do conteúdo do sistema; a experiência de utilização do protótipo e da internet no processo de avaliação de impacte ambiental adoptado; a discussão de resultados e respectivas conclusões. Dada a amplitude deste projecto, o relatório integra ainda uma série de anexos, descritos na ultima secção.



Face de entrada do Módulo principal do protótipo IMS

(Fotografia de fundo: rio Trancão, cortesia da C.M. Loures)


pfa at mit.edu


visitas: